NVIDIA marca presença no 2º Fórum Nacional de Games do Brasil

NVIDIA 2013 mal começou e a NVIDIA já mexeu com o mercado de games ao anunciar o Projeto Shield durante a Consumer Eletronic Show, em Las Vegas. Com a novidade, a fabricante mundial de processadores gráficos pretende acelerar preparação e transição da indústria e comércio de games no Brasil para os novos paradigmas de plataformas móveis e abertas que está ganhando cada dia mais players de peso. Visando acelerar o entendimento do mercado quanto a esse conceito inovador, Richard Cameron, country manager da NVIDIA no Brasil, palestrará no próximo dia 19 de janeiro, sábado, durante o 2º Fórum Nacional de Games do Brasil, que acontece na FECOMÉRCIO, em São Paulo.

Richard Cameron “O modelo de negócio tradicional de consoles baseadas em um sistema proprietário e fechado enfrenta dificuldades em todo o mundo e o que o mercado está buscando, diante de tantas opções tecnológicas, são plataformas abertas onde os games custam menos e oferecem maior integração entre elas, seja PC/notebooks, tablets e/ou dispositivos móveis”, destaca Cameron.

O Fórum, realizado pela ACIGAMES, contará com a participação de distribuidores de games, representantes de cinco Ministérios do Governo, principais publishers do mercado de games no País e lojistas de diversos estados. Também contará com presenças internacionais: GREE (Japão), Kaos Games (Espanha), 1080 Partners (EUA), Kindp (Alemanha) e de François Removille, presidente da Câmara do Comércio da França.

 Palestra Richard Cameron, Country Manager da NVIDIA no Brasil

Novos paradigmas para a indústria de games (Projeto Shield)

Dia 19/01, das 14h30 às 15h

Onde: 2º Fórum Nacional do Comércio de Games do Brasil

Local: FECOMÉRCIO – Rua Doutor Plínio Barreto, 285 – Bela Vista – São Paulo

(http://www.acigames.com.br/)

Sobre a NVIDIA

A NVIDIA (NASDAQ: NVDA) despertou o mundo para o poder da computação visual quando, em 1999, criou uma unidade dedicada exclusivamente ao processamento gráfico, a GPU. Atualmente, seus processadores estão embarcados em uma grande variedade de produtos, desde smartphones até supercomputadores. Os processadores móveis da NVIDIA são utilizados em celulares, tablets e sistemas de infoentretenimento em automóveis. Os PC gamers confiam nas GPUs para alcançar uma experiência imersiva nos jogos de última geração. E os profissionais as utilizam para criar gráficos 3D e efeitos visuais em filmes e para projetar qualquer coisa, desde clubes de golfe até grandes aviões. E pesquisadores utilizam as GPUs para transpor as fronteiras da ciência por meio da computação de alta performance. Fundada em 1993 e com sede na Califórnia, a NVIDIA detém mais de 5 mil patentes. Com receita de US$ 4 bilhões no ano fiscal 2011/12, a companhia conta com 6.800 profissionais e mantém operações em mais de 20 países, incluindo o Brasil. Mais informações: www.nvidia.com.br e nas mídias sociais (NVIDIA Brasil no Facebook e @nvidiabrasil no Twitter).

Os comentários estão desativados.