Coleta do leite materno pode contribuir para o aumento do tempo da amamentação

Coletar e armazenar o leite materno podem colaborar para que as mães voltem à rotina profissional e pessoal no prazo necessário, sem deixar de prezar pela saúde do bebê.

As necessidades de cada família muitas vezes alteram os procedimentos saudáveis dentro de casa, mesmo em um momento importante como o do nascimento de um bebê. É de total importância que as mães mantenham a amamentação mesmo naqueles momentos que não conseguem estar ao lado das crianças.

O leite materno é o alimento mais completo e equilibrado que existe para o bebê. Segundo o Ministério da Saúde, atende todas as necessidades de nutrientes e sais minerais da criança até os seis meses de idade, além de ser rico em substâncias que tornam o recém-nascido mais resistente, principalmente a infecções por vírus e bactérias. Estimativas da Organização Mundial da Saúde (OMS) evidenciam que a amamentação é capaz de salvar 1 milhão de vidas de crianças a cada ano devido ao seu efeito protetor contra doenças infecciosas.

É justamente para colaborar com as mães que precisam retornar às tarefas do dia-a-dia, mas estão preocupadas com a alimentação do bebê, que existe a coleta de leite materno e procedimentos para seu armazenamento. O Ministério da Saúde, em sua cartilha sobre Aleitamento Materno, indica que o leite materno coletado pode ser guardado com segurança na geladeira por até 24 horas depois da coleta. Se armazenado em um freezer, chega a durar até 15 dias.

É fundamental estar alerta em relação aos utensílios que vão armazenar, congelar e/ou aquecer o leite materno coletado, cuidando para que esses recipientes plásticos estejam livres de Bisfenol A, composto químico que pode ser encontrado no plástico e que pode ser prejudicial quando ocorre o aquecimento ou resfriamento das mamadeiras, por exemplo.

Foi por essa razão, que em setembro de 2011 a ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) determinou a proibição da venda de mamadeiras fabricadas em Policarbonato, devido à presença de Bisfenol A neste material.

 O cuidado é importante

Ao coletar o leite materno, as mães precisam estar atentas a alguns cuidados como lavar bem as mãos, ter cuidado com as fissuras, não lavar os seios em excesso, evitar o uso de sabonetes que ressecam a pele, entre outros.

Ao longo do processo de amamentação, a mãe já saberá quais os horários para alimentar seu bebê e a coleta do leite materno poderá se encaixar nesta rotina. É indicado iniciar a coleta do leite alguns dias antes do período em que a mãe estará ausente, pois assim ela e o bebê terão algum tempo para se acostumarem com o processo.

É recomendado que as mães procurem se informar, quando possível, com pediatras, enfermeiras ou outros profissionais da saúde que possam contribuir com mais informações sobre o período de amamentação, pois é de conhecimento popular que a coleta do leite materno pode ser dolorida no início do processo, mas que cada mãe vai encontrar a melhor forma de amamentar mesmo não estando o tempo todo presente ao lado do bebê.

O Tira-Leite Materno da Mercur promove suave sucção que permite a extração do leite materno e auxilia no desenvolvimento do mamilo. Prático e higiênico, o produto é totalmente livre de Bisfenol A e pode ser usado também na prevenção e tratamento da mastite. O Tira-Leite Materno da Mercur possui uma válvula que dificulta a entrada de leite no bulbo de sucção e está disponível nas cores azul, rosa e amarela.

Sobre a Mercur:

Fundada em 1924, em Santa Cruz do Sul (RS), a Mercur que começou sua trajetória com produtos derivados da borracha, é hoje uma das marcas mais tradicionais do Brasil principalmente no segmento de material escolar e de escritório – no qual consagrou a imagem de sua borracha estampada com o deus Mercúrio no inconsciente coletivo de várias gerações de alunos. Empregadora direta de cerca de 550 colaboradores, a Mercur detém um portfólio de mais de 1,5 mil itens de educação e produtos para prática esportiva e saúde, como bolas de exercício, luvas, bolsas térmicas, muletas, colares cervicais, imobilizadores etc. A companhia também atua na área industrial com soluções customizadas, disponibilizando lençóis de borracha, correias atóxicas e peças técnicas, bem como pisos especiais e revestimentos. Visite o site: www.mercur.com.br.

Os comentários estão desativados.