Atenção para a saúde das crianças na hora de comprar o material escolar

Desenvolvido por uma equipe de fisioterapeutas do Centro de Bem-Estar Levitas, o Fisiofitness Teen busca incentivar o hábito saudável dos pequenos por meio da prática de atividade física.

Com a chegada do mês de fevereiro, pais e filhos já abandonaram a euforia das férias para dedicarem-se à compra de material escolar exigida pelas instituições de ensino na volta às aulas. Mas será que houve uma preocupação com a saúde das crianças e dos adolescentes antes de escolher o personagem ídolo que estampará os lápis, os apontadores e as capas dos cadernos?

Independente da resposta é importante tomar os cuidados necessários para evitar que essa galerinha desenvolva doenças sérias no futuro, pois é alarmante o número de adolescentes que sofrem com alterações posturais e dores na coluna devido aos hábitos relacionados às atividades escolares. Entre os principais fatores prejudiciais estão o excesso de peso transportado nas mochilas, a maneira como são carregadas, o modelo utilizado, além do tempo de permanência com elas nas costas.

Segundo estudo autorizado pelo Comitê de Ética para Análise de Pesquisas no Hospital das Clínicas e na Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HC-FMUSP), existem  medidas de intervenção baseadas em educação postural que podem mudar estes hábitos significativamente, principalmente no que diz respeito à utilização de mochilas. A pesquisa ainda afirma que a aceitação dos adolescentes para este tipo de programas propostos por fisioterapeutas é muito boa.

“Existem recomendações básicas a serem seguidas por pais e filhos. A começar pela mochila, cujo modelo deve ser o mais leve possível e sempre ter duas alças para que o transporte seja feito com apoio nos dois ombros. Outro ponto importante é que a carga da mala deve representar, no máximo, 10% da massa corporal da criança”, explica o fisioterapeuta do Centro de Bem-Estar Levitas (www.levitas.com.br), Santiago Munhos.

Seguindo recomendações médicas para procurar um fisioterapeuta, Helen Cristine Machado estava em busca de algo que ajudasse as filhas, Nina Machado Piazza (8) e Lara Machado Piazza (10), a desenvolver consciência corporal e evitar lesões graves no futuro, que as impeçam de praticar esportes, uma de suas atividades preferidas. Recentemente, as meninas foram matriculadas no programa de Fisiofitness Teen do Levitas, voltado a jovens com menos de 15 anos de idade.

“As crianças sempre adoraram praticar esportes, mas esta é a primeira vez que recebem acompanhamento de um fisioterapeuta e estão adorando a ideia. A diferença é que, neste caso, as atividades são focadas para a idade delas, com uma proposta que envolve lazer e bem- estar, já que as aulas são feitas em diferentes ambientes, muitas vezes na piscina ou com bola”, afirma Helen.

“No espaço, além de praticar atividades com o objetivo de conquistar benefícios físicos, sociais e psicológicos, as jovens recebem orientações posturais que farão toda a diferença em sua fase adulta”, conclui Santiago.

 Fisiofitness Teen

Desenvolvido por uma equipe de fisioterapeutas do Centro de Bem-Estar Levitas, o programa é customizado para pequenos grupos de no máximo quatro pessoas, e busca incentivar o hábito saudável no dia a dia por meio da prática de atividade física.

Trata-se de um método mais prazeroso de fisioterapia, no qual o profissional utiliza os recursos necessários para estimular habilidades e o desenvolvimento postural dos adolescentes, já que estudos apontam que 80% da população mundial já apresentou, ou apresentará, dores lombar. As causas são variadas, mas os maiores números apontam para os problemas relacionados à postura incorreta.

Os benefícios da prática são numerosos, quando realizados desde a infância e de forma regular. Dentre as vantagens fisiológicas observadas, destacam-se a melhora cardiovascular, na qualidade do sono, dos movimentos e no tratamento de obesidade, além da diminuição dos riscos da diabete, flexibilidade, preservação das articulações e coordenação motora. “Isso sem falar no beneficio social causado pela atividade física, pois quem pratica desde cedo mostra-se muito mais comunicativo e com maior facilidade de se relacionar com diferentes grupos sociais”, informa Munhos.

 Sobre o Levitas:

Criado em 2001 pelo cirurgião plástico e oncologista, Dr. Américo Marques, o Centro de Bem-Estar Levitas tem como objetivo proporcionar mais saúde e qualidade de vida aos seus clientes, respeitando o perfil de cada um na busca pelo bem-estar e pensando a medicina de forma integrada. Para isso, apoia-se em uma linha de trabalho baseada em atividades físicas, tratamentos estéticos, fisioterápicos e nutrição. O Levitas conta com profissionais altamente capacitados e apresenta como diferencial de mercado o acompanhamento full time dos clientes por um time de educadores físicos e fisioterapeutas. Os serviços incluem atividades físicas como musculação, postural, caminhadas e corridas monitoradas ao ar livre no Parque do Ibirapuera, Yoga, tonificação, Mat Pilates, ginástica funcional, hidroginástica, dança, bike, alongamento, Studio Pilates, Power Plate, reabilitação esportiva e RPG, bem como atividades específicas para gestante e pessoas com osteopenia e osteoporose. Na área de Touch (estética) destaque para o tratamento da hiperbárica (exclusivo Levitas), drenagem linfática, massagem relaxante, modeladora, Shiatsu, pedras quentes, peeling, entre outras. O centro de bem-estar conta com 900 clientes ativos, na faixa etária de 26 a 55 anos, sendo 68% composto por mulheres. O Levitas possui um dos mais altos índices de satisfação do mercado, 50% dos clientes frequentam o espaço há mais de 5 anos. Mais informações pelo website: www.levitas.com.br ou pelo telefone (11) 3054-7922.

Anúncios

Os comentários estão desativados.